O Aterro Sanitário é um método de disposição de resíduos sólidos urbanos no solo que visa proteger o meio ambiente e a saúde pública favorecendo a segurança e o bem-estar da população.

Consiste no emprego de técnicas de engenharia e normas operacionais específicas para confinar esses resíduos na menor área possível, reduzindo ao mínimo o seu volume, cobrindo-os em seguida com uma camada de terra ou material inerte, tão freqüente quanto se fizer necessário ou ao final de cada jornada de trabalho.

É necessário prever a permeabilização da base e das laterais, sistemas de drenagem de chorume para tratamento, remoção segura e queima dos gases produzidos.



Vantagens:

– baixo investimento de implantação e custos operacionais;

-flexibilidade operacional que permite receber e acomodar rapidamente quantidades e tipos variáveis de lixo adaptando-se com facilidade às necessidades de médias e grandes comunidades e ao crescimento populacional;

– possibilidade de recuperação de áreas degradadas e de baixo valor comercial.



Desvantagens:

– necessidade de grandes áreas, o que normalmente só se encontra longe dos centros urbanos, o que onera o transporte;

– influencia sobre a operação pelas condições metereológicas;

– necessidade de material adequado para cobertura;

– necessidade de contínua supervisão para evitara deterioração da qualidade operacional.

Uma vez atingido o limite de operação do aterro ele deve ser encerrado, observando-se técnicas e precauções a fim de evitar erosão do terreno, observando-se a drenagem de águas superficiais. Para tanto se indica a implantação de áreas verdes, orientadas por profissional gabaritado, uma vez que o ambiente é inadequado para grande parte dos vegetais, principalmente para aqueles com raízes profundas.

A implantação de edificações sobre o aterro é totalmente desaconselhável devido à baixa capacidade de suporte do terreno e a possibilidade de infiltração dos gases para o interior das edificações.



É possível, portanto concluir que para implantação, operação e encerramento de um aterro é necessária a elaboração de planos específicos, com orientação de profissionais especializados

Ano da Publicação:
2004
Fonte:
Ponto Terra
Autor:
Rodrigo Imbelloni
Email do Autor: