Geoprocessamento utilizado na seleção de áreas para aterro sanitário

Esta pesquisa apresenta como resultado áreas selecionadas, analisadas sob critérios técnicos, sociais e

ambientais para o sistema de disposição final de resíduos sólidos do município de Florianópolis, Santa

Catarina, utilizando técnicas de geoprocessamento, com o intuito de facilitar a tomada de decisões quanto às

alternativas a serem implementadas no município, na gestão integrada dos resíduos sólidos

Check Also

Praia de São Conrado tem ‘tsunami de plástico‘ e gera repercussão mundial

As fortes chuvas de sábado revelaram uma triste realidade na Praia de São Conrado, no …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *