Experiência da implantação de coleta seletiva no município de Ilha Solteira-SO

Relata-se a experiência da implantação da coleta seletiva na cidade de Ilha Solteira, Estado de

São Paulo, com cerca de 22.000 habitantes. A coleta iniciou-se com alguns Postos de Entrega Voluntária

(PEV) instalados em escolas e entidades assistenciais, evoluindo posteriormente para coleta domiciliar

abrangendo toda a cidade, com freqüência semanal. São analisados quantitativamente os resultados

obtidos pelo programa, a partir da série histórica de quantidades coletadas de material reciclável

Check Also

Floripa avança para a coleta porta a porta em quatro frações

Capital corre para alcançar metas lixo zero 2030. Seletiva flex, com coleta exclusiva de vidro …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *