Veto de Bolsonaro ao Marco do Saneamento inclui coleta e destinação do lixo nas licitações

O veto do artigo 20 do Marco Legal do Saneamento permite que os serviços de limpeza urbana, coleta e destinação de resíduos sólidos sejam objetos de livre concorrência e licitações, viabilizando mais investimentos. Um dos principais ganhos para a sociedade é a maior perspectiva de erradicação dos lixões

Clique para ler a notícia na fonte original!

 

 

Check Also

DF terá marco regulatório para tratamento de resíduos

Proposta vai permitir instalação de usinas de produção de biogás/biometano, por meio de PPP Clique …